Início > Noticias > ABL realiza Sessão de Saudade em homenagem póstuma ao Acadêmico, professor, escritor e ex-Ministro da Educação Eduardo Portella

ABL realiza Sessão de Saudade em homenagem póstuma ao Acadêmico, professor, escritor e ex-Ministro da Educação Eduardo Portella

A Academia Brasileira de Letras realizou, quinta-feira, dia 4 de maio, Sessão de Saudade em homenagem póstuma ao Acadêmico, professor, escritor e ex-Ministro da Educação Eduardo Portella, falecido na manhã do dia 2 de maio, terça-feira passada. A viúva do Acadêmico, Célia Portella, e a filha Mariana estiveram presentes.

O Presidente da ABL, Acadêmico Domício Proença Filho, iniciou a sessão lendo a carta do Acadêmico José Sarney, decano da Casa. A seguir, falou o Acadêmico Arnaldo Niskier. Os demais inscritos prestaram suas homenagens por ordem de antiguidade: Marcos Vinicios Vilaça, Carlos Nejar, Nélida Piñon (texto lido pela Acadêmica Ana Maria Machado), Candido Mendes, Alberto Venancio Filho, Sergio Paulo Rouanet, Murilo Melo Filho, Alberto da Costa e Silva, Evanildo Cavalcante Bechara, Carlos Heitor Cony (texto lido por Arnaldo Niskier), Ana Maria Machado, Alfredo Bosi (texto lido pelo Presidente), Cícero Sandroni, Antonio Carlos Secchin, José Murilo de Carvalho, Celso Lafer (texto lido pelo Presidente), Geraldo Holanda Cavalcanti, Marco Lucchesi, Merval Pereira, Rosiska Darcy de Oliveira, Evaldo Cabral de Melo, Zuenir Ventura, Geraldo Carneiro (texto lido pelo Presidente) e Edmar Bacha.

Após as homenagens, Domício Proença Filho declarou vaga a Cadeira 37. Os interessados em suceder Eduardo Portella terão um mês para enviar suas cartas de candidatura, a partir desta data.

Os ocupantes anteriores da Cadeira 27 foram: Joaquim Nabuco, fundador – que escolheu como patrono Maciel Monteiro -, Dantas Barreto, Gregório Fonseca, Levi Carneiro e Otávio de Faria.

Sexto ocupante da Cadeira nº 27, eleito em 19 de março de 1981, na sucessão de Otávio de Faria, e recebido em 18 de agosto de 1981 pelo Acadêmico Afrânio Coutinho. Recebeu as Acadêmicas Lygia Fagundes Telles e Zélia Gattai e os Acadêmicos Carlos Nejar, Celso Furtado, Candido Mendes de Almeida, João Ubaldo Ribeiro, Ivan Junqueira, Alfredo Bosi e Geraldo Holanda Cavalcanti.

04/05/2017