Início > Artigos

Artigos

  • Resultado imprevisível

    O Globo, em 22/03/2018

    O habeas corpus preventivo que pode entrar em julgamento hoje no Supremo Tribunal Federal já foi negado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), e não há nada que o justifique, a não ser evitar que Lula seja preso depois da decisão final do TRF-4, que se dará na segunda-feira dia 26. Escrevo “pode entrar” em julgamento porque algumas preliminares que podem invalidar a análise do HC serão levantadas, justamente devido à decisão do STJ.

  • Cármen resiste

    O Globo, em 21/03/2018

    A discussão sobre a possibilidade de prisão após a condenação do réu em segunda instância está posta pela presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, em termos claros. Ela acredita que não há razão para discutir o tema em abstrato, pois uma nova jurisprudência foi definida pelo plenário do STF há pouco tempo, e não surgiu nenhum fato que justifique uma reavaliação.

  • Desopilar o fígado

    O Globo, em 21/03/2018

    A internet não deu voz apenas aos idiotas, como disse Umberto Eco, mas também aos mentirosos, como provou a onda de sórdidos ataques a Marielle Franco, tentando matar sua memória. O mais grave é que a infame campanha de boatos foi difundida pela desembargadora Marilia Castro Neves e pelo deputado Alberto Fraga, com versões intencionalmente falsas e difamatórias.

  • Tentativa e erro

    O Globo, em 20/03/2018

    O estranho caso das Ações Declaratórias de Constitucionalidade (ADCs) 43 e 44 que querem rever a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a possibilidade de prisão após decisão da segunda instância judicial revela bem as manobras de bastidores que, alegando tratarem de questões genéricas, objetivam realmente impedir que o ex-presidente Lula vá preso.

  • Desvios políticos

    O Globo, em 18/03/2018

    O brutal assassinato da vereadora Marielle Franco está exacerbando a radicalização política, levando a que direita e esquerda, categorias políticas consideradas à beira da extinção que um mundo pós-moderno tensionado pelos fundamentalismos e preconceitos ressuscitou, mostrem suas faces perversas.

  • Graças a elas

    O Globo, em 17/03/2018

    Ainda nas celebrações do Dia Internacional da Mulher, neste primeiro artigo que publico após 8 de março, não quero deixar passar a data em branco. Faço aqui alguns registros e homenagens. Mesmo se algumas são destaques apenas de minha vida pessoal, têm valor simbólico, e sua ação afetou muita gente.

  • Última tentativa

    O Globo, em 17/03/2018

    A próxima semana será decisiva na disputa que se trava nos bastidores do Supremo Tribunal Federal (STF) em torno da prisão após condenação em segunda instância, com o objetivo precípuo, porém dissimulado, de evitar a prisão do ex-presidente Lula.

  • Incerteza jurídica

    O Estado de S. Paulo, em 17/03/2018

    A distinção entre risco e incerteza foi proposta por um respeitável economista do século passado, Frank Knight. O risco tem inúmeras dimensões, que se multiplicaram no mundo contemporâneo. Delas se ocupam profissionalmente os diversificados analistas de risco.

  • Morta, ela acordou o país

    O Globo, em 17/03/2018

    O Brasil e especialmente o Rio estavam anestesiados por efeito de tanta violência. Chegou ao ponto de as vítimas serem tratadas como meros números.

  • Explicando Deus

    Diário do Nordeste , em 17/03/2018

    Não adianta pedir explicações sobre Deus; pode-se escutar palavras bonitas, mas, no fundo, são frases vazias. Da mesma maneira que você pode ler toda uma enciclopédia sobre o amor, e não saber o que é amar.

  • Crime contra a democracia

    O Globo, em 16/03/2018

    O assassinato da vereadora Marielle Franco, do PSOL, é mais uma tragédia nessa coleção de fatos trágicos que nos consome, nós, moradores do Rio, mas, muito mais que isso, nós brasileiros, que lutamos todos os dias pela manutenção da democracia em meio a dificuldades de diversas conotações, desde as comezinhas do cotidiano cada vez mais difícil, até a radicalização política que impede uma ação conjunta de forças apartidárias quando momentos como esse nos confrontam.

  • Perto do desfecho

    O Globo, em 15/03/2018

    O ex-presidente Lula custou, mas já entendeu que não adianta confrontar a Justiça brasileira, ao contrário de seus seguidores petistas e esquerdistas em geral. Ou melhor, talvez tenham resolvido dividir as tarefas: enquanto ele revê seu discurso, garantindo que não vai fugir do país nem promover atos de contestação à ordem de prisão que considera injusta, mas inevitável, seus seguidores fazem besteira, inclusive no site oficial do PT, que republicou uma fake news acusando a presidente do Supremo, ministra Cármem Lúcia, de ter comprado a casa onde mora de um doleiro, com insinuações de ilegalidades que nunca existiram.

  • O que seria de mim sem elas?

    O Globo, em 14/03/2018

    Um pouco atrasado, aproveito o Dia da Mulher para lembrar a triste realidade no país da condição feminina, que, apesar dos avanços, é vítima de várias formas de violência e até de crimes, alguns hediondos: estupro, exploração sexual, agressões por parceiros e parentes, assédio.

  • Novos paradigmas

    O Globo, em 14/03/2018

    Há uma disputa aberta no meio jurídico para a definição dos parâmetros legais que devem ser seguidos nesse novo mundo que se abriu depois da Operação Lava Jato, onde não há mais blindagem de autoridades ou corruptores do colarinho branco.

  • Temer em águas mansas

    Diário da manhã (GO), em 14/03/2018

    Nem tudo é agitação na vida do presidente Michel Temer. Ao entregar a Ordem Nacional do Mérito Educativo a 110 personalidades, no Palácio do Planalto, viveu momentos de tranquilidade e até de um certo prazer, quando pode elogiar os governadores do Ceará e do Espírito Santo, pelas ações em favor da educação brasileira.