Portuguese English French German Italian Russian Spanish
Início > Noticias > Leitura dramatizada de outubro na ABL apresenta “O casamento suspeitoso”, de Ariano Suassuna

Leitura dramatizada de outubro na ABL apresenta “O casamento suspeitoso”, de Ariano Suassuna

Acadêmico Ariano Suassuna, autor de importantes obras como “O santo e a porca” e “O auto da compadecida”, escreve, em 1957, “O casamento suspeitoso”, uma comédia de costumes nordestinos escrita em forma de peça. Suas personagens são caricaturadas e fazem uso de linguagem e expressões próprias da região Nordeste brasileira. 

Em 2019, uma parceria entre a Academia Brasileira de Letras e a Escola Técnica Estadual de Teatro Martins Pena promove apresentações teatrais da peça “O casamento suspeitoso” adaptadas para o formato de leitura dramatizada. Com um pouco mais de uma hora de duração, jovens e adultos poderão se encantar com uma divertida história que tem como tema central o casamento por interesse ou, como o dito popular, o “golpe do baú”. O espetáculo tem a direção de Eduardo Almeida e o elenco é composto por alunos e ex-alunos da Escola. São eles: Matheus Racinne, Fabricio Sigales, Jhô Teodorio, César Vieira, Vivianne Baptista, Teo Pasquini, Miriã Duarte, Bruna Morais e Janice Fernandes.

Na história, Lúcia vem do Recife, acompanhada do seu amante e de sua mãe, para casar-se com um ingênuo herdeiro de uma fortuna na cidade de Taperoá, interior da Paraíba. Os golpistas, porém, não esperavam se deparar com a esperteza da dupla de empregados, Cancão e Gaspar, que armam várias situações para provar que Lúcia é uma impostora e interesseira. Mas ao perceber que será desmascarada, a trambiqueira tentará reverter a situação, criando uma cilada para os dois serviçais. Em quem o herdeiro acreditará?

Comentário de Ariano Suassuna publicado em 1984 na 6.a edição de “O casamento suspeitoso”:

“Quanto à vulgaridade dos meios cômicos de que lanço mão, é coisa que não me incomoda absolutamente. Não tenho nenhuma tendência para a finura – pelo menos para isso a que os distintos chamam de finura. Ao humor educado e delicado deles, prefiro o rasgado e franco riso latino, que inclui, entre outras coisas, uma loucura sadia, uma sadia violência e um certo disparate.”

Os personagens Canção e Gaspar, que dão um show à parte, retomam a tradição do teatro popular. “Eles são a dupla circense que o povo, com seu instinto certeiro, batizou admiravelmente de o palhaço e o besta”, comentou Suassuna.

O casamento suspeitoso será apresentado no dia 23 de outubro, quarta-feira, às 15h00, no Teatro R. Magalhães Jr., na Academia Brasileira de Letras. Entrada franca. Faça sua reserva!

INSCRIÇÕES

Garanta sua participação gratuita para esta sessão exclusiva. Lugares limitados.

INSCREVA-SE AGORA


Como chegar no evento

 

Academia Brasileira de Letras

Teatro R. Magalhães Jr.

Av. Presidente Wilson, 203 - 1º andar
Castelo
Rio de Janeiro - RJ
Brasil
(21) 3974-2500

 

 

 

 

 

 

 

 

 

02/10/2019