Portuguese English French German Italian Russian Spanish
Início > Noticias > Jornalistas Cora Rónai e Pedro Dória debatem na ABL o tema ‘O admirável novo mundo digital’

Jornalistas Cora Rónai e Pedro Dória debatem na ABL o tema ‘O admirável novo mundo digital’

A Academia Brasileira de Letras deu continuidade à sua série de Seminários “Brasil, brasis” de 2019 com o tema O admirável novo mundo digital, sob coordenação geral do Acadêmico, professor, escritor e poeta Domício Proença Filho (quinto ocupante da Cadeira 28, eleito em 23 de março de 2006), e coordenação do Acadêmico e jornalista Merval Pereira (Oitavo ocupante da Cadeira 31, eleito em 2 de junho de 2011). Os Participantes convidados foram os jornalistas Cora Rónai e Pedro Dória.

O seminário foi realizado no dia 30 de julho, terça-feira, no Teatro R. Magalhães Jr, Avenida Presidente Wilson, 203, Castelo, Rio de Janeiro.

O Seminário Brasil, brasis, com entrada franca e transmissão ao vivo pelo Portal da ABL, tem patrocínio do Bradesco.

OS CONVIDADOS

Cora Rónai, começou sua carreira no jornalismo em Brasília. Trabalhou no Jornal de Brasília, no Correio Braziliense e nas sucursais da Folha de S. Paulo e do Jornal do Brasil. Em 1980 voltou para o Rio de Janeiro. Em 1982 deixou o Jornal do Brasil, ao qual retornaria alguns anos depois, para dedicar-se à literatura e ao teatro infantis. Nessas áreas, recebeu prêmios da ANLIJ e o Prêmio Mambembe. 

Pioneira do jornalismo de tecnologia lançou em 1987, no Jornal do Brasil, a primeira coluna sobre computação da grande imprensa brasileira. Usuária de computador pessoal desde 1986 adotava, já então, o estilo de escrita coloquial que caracteriza o seu trabalho, seja na área cultural, seja na área tecnológica.

Foi a primeira jornalista brasileira a criar um blog, o internETC., ativo desde 2001, e primeira a dedicar-se à fotografia digital como ferramenta de comunicação. Nos primórdios do Fotolog, a página que ilustrava com fotos do Rio de Janeiro e de suas viagens chegou a ser a mais visitada do mundo.

Em 2006, lança o livro Fala Foto, seleção de imagens realizadas ao longo de cinco anos com mais de uma dezena de diferentes aparelhos. Fala Foto, finalista do Prêmio Jabuti, foi o primeiro livro de fotos de celulares do mundo. Parte das fotos do livro foi exibida numa individual na Mercedes Viegas Arte Contemporânea, galeria carioca, feito inédito para instantâneos colhidos por celulares, sem pretensões artísticas.

No jornal O Globo, onde trabalha desde 1991, criou o caderno de tecnologia "Info etc.", que editou até 2008. Atualmente, além de colunista de tecnologia, é também cronista do Segundo Caderno e apresenta, com Isabella Saes, o podcast "Aquelas Duas".
É conhecida também pela defesa incondicional do Rio de Janeiro, 
dos animais e do meio-ambiente.

Pedro Doria, 44, é jornalista, escritor e palestrante. Colunista de CBN, O Globo e Estadão. Ao longo da carreira, esteve no comando de algumas das principais redações do país. É fundador da startup Meio, que resume todo dia os acontecimentos numa leitura de oito minutos. Acompanha as transformações impostas pelo digital há mais de vinte anos. Estudou em Stanford, a universidade fincada no centro do Vale do Silício. Escreveu best-sellers sobre história do Brasil, o último sobre o Tenentismo. Venceu o Prêmio Esso de Inovação, em 2012.

16/07/2019

Notícias relacionadas