Portuguese English French German Italian Russian Spanish
Início > Artigos

Artigos

  • O Que Não Somos

    O Globo, em 07/09/2016

    Caminho entre as ruínas de uma cena política devastada. E indago aos deuses tutelares do Brasil se dissipamos por completo a herança da Nova República, ou se ainda resta o mais precioso fundamento: de que a democracia é irmã gêmea da justiça social, renovada e corrigida pelo voto popular.

  • Homenagem a Sábato Magaldi

    Revista Comunità Italiana, em 15/08/2016

    Leitor radical da moderna dramaturgia brasileira, Sábato Magaldi tomou distância da condição vitriólica de Iago, que se autodefine como um crítico, nem mais nem menos: I am nothing, if not critical. Porque Sábato era dotado ao mesmo tempo de rara sensibilidade artística e larga erudição no domínio das teorias e das técnicas teatrais, pensadas, contudo, sem apriorismos, desde uma precisa realidade cênica.

  • Adeus a um Democrata

    O Globo, em 03/08/2016

    Um aplauso efusivo e demorado selou a cerimônia de adeus a Evaristo de Moraes Filho no São João Batista. Gesto de catarse e homenagem a um dos últimos varões da República. Aquele aplauso traduziu um sinal de comunhão, síntese de contrários, com pessoas tão diversas que acorreram para homenageá-lo, pois a presença de Evaristo era um centro que congregava a muitos. Um ecumenismo inverso à cultura da intolerância, armada na trincheira do irracionalismo que hoje divide a nação.

  • Tempos Estranhos

    O Globo, em 06/07/2016

    Tenho a impressão de que o Brasil sofre de uma epidemia de zumbis. Será o caso de perguntar em que planeta vivemos e em que espécie de república, quando juízes e procuradores agem como se fossem políticos, famintos de publicidade, ou quando parte dos senadores da comissão de impeachment se traveste de magistrados, que já se decidiram antes mesmo de ouvir as partes. Ou ainda quando corruptos de quatro costados arrogam-se paladinos da transparência e inimigos dos malfeitos. 

  • Universidade Viva

    O Globo, em 01/06/2016

    Há um clima de restauração no ar, um misto de vingança e ressentimento de certos chacais da política. Assiste-se a uma perigosa guinada à direita, em várias frentes, que ameaça um conjunto de conquistas democráticas que não se limitam à agenda de um partido, mas a uma legítima demanda republicana, conquistada desde a década de 1990. Refiro-me às figuras agressivas, ultramontanas do Congresso, que se batem a favor da cura gay, contrários à lei da palmada e a um repertório de atitudes que seriam de fato avançadas se vivêssemos no século XVIII. 

  • A Coroa de Macbeth

    O Globo, em 04/05/2016

    Houve quem se espantasse com a votação para a abertura de impeachment na Câmara dos Deputados, no último 17 de abril. Tocante o número de corruptos de carteirinha, ‘indignados’ com a corrupção, como se fossem atores improvisados num velho roteiro de chanchada. 

  • Kamikazes

    O Globo, em 06/04/2016

    O que está acontecendo com a dignidade de nossa jovem república e seu frágil corpo democrático? Parece que nos tornamos personagens de um escritor de poucas ideias fixas, como se estivéssemos dentro de uma ficção ordinária, contracenando com atores de terceira, ao longo de um enredo faccioso, pobre de cenário, e inverossímil, sem qualquer espessura ética ou intelectual.

  • Mestre Umberto

    O Globo, em 02/03/2016

    Espero que me perdoe o fato de não atender na semana passada ao convite para falar de sua obra. Preferi o silêncio e repassar algumas cenas de amizade, nesses últimos 20 anos.

  • Adeus, Amigo

    Comunità Italiana, em 29/02/2016

    Escrevo com saudades de Israel Pedrosa, falecido no último domingo de carnaval, na iminência de completar os noventa. Movia-se ágil no andar superior de seu belo ateliê-biblioteca, laboratório alquímico, meditando horas a  fio os decassílabos de Camões e os pigmentos de Ticiano. 

  • Viva Guido Reni

    O Globo, em 03/02/2016

    Não deixem de visitar o Museu Nacional de Belas Artes antes do dia 13 de março, dia em que termina a exposição “San Sebastiano”. Dois jovens artistas bolonheses da Itália barroca: Guercino e Guido Reni. Jovens porque suas obras parecem ter sido feitas no ano de 2015, sem uma ruga no rosto, sem qualquer sinal desses quinhentos anos. Digamos que houvesse apenas uma pintura no MNBA, em virtude de hipotética reforma, e que as paredes estivessem brancas, despovoadas, e que a única imagem presente fosse apenas “O Martírio de São Sebastião”: mesmo assim a visita valeria, e muito! 

  • Folia de Reis

    O Globo, em 06/01/2016

    Trata-se de uma festa patrocinada pela esperança, pelo diálogo solidário e por um desenho de futuro. Matérias que andam em falta em nossos dias.

  • Eu Sou Beirute

    O Globo, em 02/12/2015

    Um dos lugares que mais me encantam no Rio de Janeiro é o pequeno Oriente Médio da rua da Alfândega, com seu perfume ecumênico das mais variadas especiarias, parte da cidade que visito, desde os meus oito anos. 

  • Na Oficina

    Vianor, em 08/11/2015

    O poeta Tiago Lunardelli teve a delicadeza de preparar um questionário sobre os focos de minha secreta elipse ou, em outras palavras, sobre as obsessões que me aprisionam.

  • Terra sem mal

    O Globo, em 04/11/2015

    Parte significativa do Congresso Nacional vive uma onda de entropia e fundamentalismo. Tentou-se a redução da maioridade penal, a revogação do estatuto do desarmamento, onde se ouviram frases de hospício, como o aborto de “fetos com tendências criminosas”.

  • A casa comum

    O Globo, em 07/10/2015

    O futuro da pós- metrópole dependerá de um projeto global e solidário, centrado na consolidação da paz e da justiça social. E o modo pelo qual lidamos com os resíduos será, sob múltiplos aspectos, parte decisiva do processo. Lembro Zygmunt Bauman: "os lixeiros são os heróis anônimos da modernidade”, quando não, mártires, como os dalits, na Índia, obrigados ao inominável, como testemunhei com meus próprios olhos na duríssima periferia de Nova Déhli.